Viajar de veleiro



A maravilha de se viajar de veleiro é que basta que se decida ir para algum lugar, tudo que se tem que fazer é levantar a âncora,içar velas e ir embora.Essa sensação de liberdade é fabulosa,é quase como ter asas e voar livremente,basta bate-las.

Helio Setti Jr.

Tem que ir, ver e sentir!


"...Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu, para um dia plantar as suas próprias árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor, e o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o seu próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver..."


Amir Klink


sexta-feira, 3 de julho de 2015

De quem é a preferência quando há trânsito no mar

  De quem é a preferência no mar? 
Veja aqui algumas respostas para, depois, não ter de perguntar de quem foi a culpa.
   O mar pode parecer a faixa de rolamento dos sonhos até para o mais espaçoso dos motoristas, mas ali também existem leis que regulam o tráfego, embora algumas delas sejam pouco respeitadas na prática.
  Veja aqui como funciona, teoricamente, a preferência no mar.

Barcos a remo:
Minúsculos e lentos, têm capacidade mínima de manobra e quase sempre são difíceis de avistar. Fique atento.

Desviam de
· No canal: todos. Na prática, costumam ficar próximo às margens.
· No mar aberto: a princípio, um barco a remo não deveria estar em mar aberto.

Jets:
São leves, muito rápidos e ágeis, e são considerados barcos a motor como as lanchas. O problema é que como são fáceis de comandar, alguns pilotos exageram.

Desviam de
· No canal: teoricamente, de todos. Na prática, depende da consciência do piloto.
· No mar aberto: todos, mas são incomuns em mar aberto.

Lanchas:
Ágeis e rápidas, são os barcos com melhores condições de desviar de tudo. Por isso mesmo têm sempre a menor preferência.

Desviam de
· No canal: todos e ainda das lanchas ou jets que venham pela direita.
· No mar aberto: também desviam de todos e das lanchas que venham da direita.

Navios:
Grandes e pesados, são incapazes de realizar manobras rápidas e nem sempre conseguem enxergar um barco pequeno à frente. Mantenha distância!

Desviam de
· No canal: apenas de barcos encalhados ou sem governo.
· No mar aberto: teoricamente, de todos. Na prática, de ninguém.

Veleiros:
São ágeis, mas sua velocidade e manobrabilidade dependem do vento. Fique atento especialmente às áreas de regata.

Desviam de
· No canal: de navios e dos barcos a remo.
· No mar aberto: de navios ou de barcos de pesca.

É bom saber...
Os canais têm pistas imaginárias de mão dupla. Como acontece com os carros, o piloto deve ficar sempre no lado direito (boreste) da via.

Em caso de dúvida, desvie. É melhor pecar pelo excesso de cuidado do que colocar o barco em risco.

Barcos com preferência também são obrigados a desviar caso esta seja a única maneira de evitar uma colisão.

Entre duas lanchas, a que vem pela direita tem a preferência

Entre dois veleiros, a preferência fica com o que tiver as velas à esquerda


Materia da revista Náutica nº 196