Viajar de veleiro



A maravilha de se viajar de veleiro é que basta que se decida ir para algum lugar, tudo que se tem que fazer é levantar a âncora,içar velas e ir embora.Essa sensação de liberdade é fabulosa,é quase como ter asas e voar livremente,basta bate-las.

Helio Setti Jr.

Tem que ir, ver e sentir!


"...Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu, para um dia plantar as suas próprias árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor, e o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o seu próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver..."


Amir Klink


sábado, 13 de agosto de 2011

Alerta do velejador Orion Costa no FaceBook

Shell busca conter vazamento de petróleo no Mar do Norte

Gravidade do derramamento de óleo ainda está sendo investigada pela empresa

A petrolífera Shell trabalha para conter um vazamento de petróleo no Mar do Norte. O anúncio foi feito por um porta-voz da empresa anglo-holandesa, nesta sexta-feira. "Nós descobrimos um vazamento de petróleo em um oleoduto entre um poço e uma plataforma de produção", disse Wim van de Wiel, em Haia. Segundo ele, o vazamento foi identificado na última quarta-feira, próximo à superfície, na plataforma Gannet Alpha, a cerca de 180 quilômetros a leste da cidade escocesa de Aberdeen.

"Controlamos o vazamento de forma significativa, e estamos tomando outras medidas para isolá-lo. O poço submarino foi fechado, e o duto foi despressurizado", disse um porta-voz da empresa.

A gravidade do derramamento de óleo ainda está sendo avaliada. Um submarino de controle remoto foi enviado ao local para avaliar os danos. O fluxo de petróleo foi interrompido logo em seguida, para diminuir a pressão dentro do oleoduto e diminuir o fluxo de petróleo que vai poluir as águas marinhas, informou Wiel. Segundo ele, um helicóptero e um navio com equipamentos para controlar derramamentos foram também mandados ao local. “Nosso principal foco é ser ambientalmente responsável”, acrescentou.

Um dos poços do campo de Gannet, 180 quilômetros a leste de Aberdeen (na Escócia) foi fechado, mas a Shell não especificou se a sua produção foi afetada. O campo pertence à Shell e à americana Exxon, mas é operado apenas pela empresa anglo-holandesa. Um documento no site da Shell diz que as plataformas do campo de Gannet têm capacidade para exportar 88.000 barris de petróleo bruto por dia.
(Com agência France-Presse e Reuters),postado na Veja

 

 

     E AINDA QUEREM EXPLORAR PETRÓLEO EM ABROLHOS.ONDE ESTÃO AS INSTITUIÇÕES DE PROTEÇÃO AMBIENTAL????????