Viajar de veleiro



A maravilha de se viajar de veleiro é que basta que se decida ir para algum lugar, tudo que se tem que fazer é levantar a âncora,içar velas e ir embora.Essa sensação de liberdade é fabulosa,é quase como ter asas e voar livremente,basta bate-las.

Helio Setti Jr.

Tem que ir, ver e sentir!


"...Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu, para um dia plantar as suas próprias árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor, e o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o seu próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser; que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver..."


Amir Klink


terça-feira, 26 de julho de 2011

Barco espanhol terá capitão brasileiro na Volvo Ocean Race o título da postagem

Foi anunciada ontem a participação do brasileiroJoca Signorini como capitão do barco espanhol Telefónica. O time agora está pronto para a megaregata Volvo Ocean Race, que larga em novembro de 2011, dando a volta ao mundo em nove meses. “Estou feliz por trazer a minha experiência olímpica e meus dois Volvo Ocean Races para a equipe. Gosto do meu trabalho e estou realmente ansioso para começar a regata”, disse em nota.
Joca estreou na Volvo em 2005, a bordo do veleiro Brasil 1. Na edição de 2009 integrou o barco Torben Grael/Ericsson 4, que venceu a regata. Ele também já velejou nas classes laser e finn e foi 10º colocado nas Olimpíadas de Atenas, em 2004.
Fonte: Webventure; Foto: Maria Muiña,postado no Popa